Arquivo de fevereiro \02\UTC 2016

Uma mudança esta chegando

Eu nasci em um gueto, onde tudo incitava para o que não era lícito ou não teria futuro, exceto pelos meus familiares e principalmente pelos meus pais, que sempre demonstraram por suas atitudes que o caminho do bem apesar de tortuoso era sempre melhor.
Me preparei para superar todos os obstáculos que imaginei que apareceriam, e apareceram, ainda piores do que minha imaginação poderia projetar, mas ultrapassei. Ou melhor, estou ultrapassando.
Obstáculos não calculados apareceram nesta jornada, e ainda bem que apareceram, pois me obrigaram a voltar a escrever, onde eu posso levar vários a pensar melhor, mas principalmente ajudar milhares a verem outros lados de situações.
Queridos amigos desprovidos de poder de decisão, vocês serão injustiçados, isso é um fato que não cabe contestação, porém por incrível que pareça isso pode ser positivo. Sim pode transformá-los em pessoas melhores, pois ao se confrontarem com suas reais posições na sociedade podem optar por agir diferente.
Lealdade para mim é algo imprescindível, mas se a quem você é leal não coaduna desta ação? Existe lealdade unilateral? Eu, no cúmulo da minha ignorância acredito que não, e esse é o fator que da o start, permitindo o estrangeirismo deste texto, me aceito apropriar.
Funcionário dedicado a empresa, sempre voltado para melhorar o processo, tomado como problemático indisciplinado e descartável? Esse certamente não se chama Bruno Queiroz Batista Sousa ou Manoel da Silva, nomes agora são irrelevantes.
Reconhecimento do grupo que fazia parte sempre foi meu foco, e isso independente do grupo, pois nunca trabalhei só e tenho o maior prazer em exaltar meus colegas de trabalho, que com certeza sem os quais não poderia fazer nada em um processo tão conplexo como o que trabalho.
O foco que não pode ser perdido é que por melhor que você trabalhe, por melhor que desempenhe sua função, não terá garantido seu lugar no Olimpo, pois o Olimpo foi um local reservado à alguns poucos no qual o critério da reserva não foi divulgado, não importa a qualidade do seu trabalho, você continuará sendo um plebeu, ou seja, caso você não seja um escolhido , sempre será apenas mais um.
Mas esse não é um texto comodista, a realidade existe e é dolorosa, aceitar as intempéries sem tentar ir de encontro a correnteza é o caminho mais fácil, mas também é o caminho que todos esperam que você adote. Mostrar – se melhor, mostrar que foi um erro terem te descartado é muito mais construtivo e gratificante, e, além disso , tem o fator de enaltecer sua alto estima, que não é primordial mas sempre ajuda.
Resumindo, as coisas acontecem, e isso não controlamos, mas saber o que fazer com isso cabe a nós, faça sua escolha.